23/10/2017

Apartamento ganha boas soluções de marcenaria e decoração recheada de peças de design

O jovem casal, morador deste apartamento de 90 m², leva uma vida bastante agitada; ela é arquiteta e sapateadora e ele advogado e atleta. Adquiriram o imóvel como sua primeira morada depois de casados e, por isso, desejavam unir em um único projeto espaços acolhedores, preparados para receber os amigos, mas que também fossem propícios para momentos relaxantes. Outro ponto importante para eles era a inserção de seus gostos pessoais na decoração, com foco no interesse da dupla por peças de design. As arquitetas Marcela Muniz, Renata Adoni e Mariana Bilman, à frente do escritório MAB3, foram as responsáveis pela reforma, que contou com marcenaria personalizada para otimizar o espaço e deixar o dia a dia dos moradores ainda mais prático.

Design e peças de valor sentimental

A poltrona Mole, de Sérgio Rodrigues, que já pertencia à moradora, serviu como ponto de partida para a criação do projeto. Como ela é uma peça de mobiliário de dimensões mais expressivas e que merecia bastante destaque, as arquitetas reorganizaram o layout da sala a partir dela. Além da renomada poltrona, todas as peças de design utilizadas na decoração já faziam parte do acervo da moradora, como a coleção de luminárias, os ganchos da Muuto e as esculturas em latão de Bianca Barbato. Já a mesa lateral assinada pelo designer Scapinelli foi trazida da casa da avó como um presente.

Integração e marcenaria inteligente

A intervenção mais invasiva da obra aconteceu na cozinha, que foi aberta e integrada à sala. Além disso, a entrada do banheiro de serviço mudou de lugar para se tornar um lavabo. A sala de jantar também passou por grandes e criativas transformações. Para garantir mais conforto e abrigar mais pessoas, as arquitetas desenharam um banco em “L” com a mesa e mais três cadeiras, conjunto que abriga de 6 a 8 pessoas. Para tornar o ambiente ainda mais especial, o banco fixo foi estofado com tecido de edição limitada desenhado por Patrícia Urquiola e conta com gavetas na base, onde os moradores podem armazenar alguns de seus pertences.

“Outro ponto alto é um armário que criamos para louças. Ele passa despercebido por quem entra ali, já que a porta-painel se assemelha às paredes da casa; e é um móvel amplo com muitas prateleiras e gavetas!” complementam.

Fotos realizadas por...

Mariana Orsi

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *