20/01/2016

FONDATION LOUIS VUITTON: EXPERIÊNCIA ARQUITETÔNICA ÚNICA

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (3)

Foto por Iwan Baanvia via Fondation Louis Vuitton/ Facebook

Inaugurada em outubro de 2014, a Fundação Louis Vuitton, na beira do Bois de Boulogne, em Paris, foi projetada pelo arquiteto americano Frank Gehry como um novo espaço para abrigar criações artísticas contemporâneas, a pedido de Bernard Arnault, o big boss do grupo LVMH (a maior empresa de artigos de luxo do mundo).

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (4)

Assim como seu irmão mais velho – o Guggenheim de Bilbao, outra obra prima de Gehry – a embalagem vale tanto ou mais que o conteúdo. Isto porque o edifício está em constante harmonia com o meio ambiente e as obras que contêm, além de ser uma aula de arquitetura e cálculo. Às vezes se tem a sensação de estar numa grande sala de espelhos: vidro refletindo o concreto; espelho d’agua rebatendo as estruturas de aço

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (8)

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (1)

Imagem via Fondation Louis Vuitton/ Facebook

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (9)

Imagem via Fondation Louis Vuitton/ Facebook

Nas paredes, Andy Warhol, Jean-Michel Basquiat, Gilbert & George, Olafur Eliasson, Richard Prince, Marina Abramovic e tantos outros. A coleção permanente também contempla um capítulo dedicado à música, através de esculturas que emitem sons, videoarte e instalações que proporcionam uma experiência sensorial inovadora.

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (6)

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (2)

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (7)

arquitetura-fondation-louis-vuitton-studio-lab-decor (5)

por Isabella Blanco

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *